Pular para o conteúdo
Início » Por que Você Come Mesmo Quando não Está com Fome?

Por que Você Come Mesmo Quando não Está com Fome?

Por que você come mesmo quando não está com fome

Porque a pessoa come sem ter fome?

Há várias razoes que uma pessoa come mesmo sem estar com fome. Comer por impulsão é um grande desafio para quem precisa ou quer perder peso. As tentações são muitas e para a grande maioria das pessoas, resistir pode ser quase impossível.

Um fator a ser levado em consideração é a inflamação crônica que acomete principalmente os diabéticos. Quando seu corpo está inflamado, as células de gordura se incham, ou seja, se inflamam. Suas células de gorduras, ou lipócitos, liberam hormônios ( leptina ) informando ao sistema nervoso central ( SNC ) que você já está satisfeito, mas no caso de seu corpo estar inflamado, o SNC não reconhece essa informação. Isso faz com que você continue comendo, mesmo sem estar com fome.

Tempo estimado de leitura: 5 minutos

Além da inflamação crônica, há outros motivos por que uma pessoa come sem ter fome:

Estresse

O estresse a longo prazo enche seu corpo com cortisol. Um hormônio que tem o papel de luta ou fuga. Para reabastecer seu corpo após um momento estressante, o cortisol então faz você querer comer mais. Mesmo sem estar com fome. Se o estresse é constante, então os níveis de cortisol continuam altos e te faz comer sem ter fome ou vontade.

Fadiga

Quando você não descansa bem, então seus níveis de grelina (o hormônio que dá vontade de comer) aumentam. Enquanto isso, seus níveis de leptina (um hormônio que diminui a fome e a vontade de comer) diminuem. Esses dois hormônios controlam a sensação de fome. Resultado: Você sente fome, mesmo que seu corpo não precise de mais comida.

Nervosismo

Comer normalmente é uma saída quando uma crise de nervosismo aparece. Assim, comer te mantém ocupado, mas também te distrai de tudo o que o está te deixando nervoso. Ou você pode tentar controlar o estresse ficando sem comer. Isso pode desacelerar seu sistema, porque seu corpo pensa que está morrendo de fome. Finalmente quando você come, certamente vai comer demais, mesmo sem estar mais com fome.

Ansiedade

A ansiedade tem uma forte relação com os transtornos alimentares. A compulsão alimentar, decerto é uma forma de contornar as preocupações e o estresse. Além disso, a genética a depressão e transtornos de humor e traumas, vícios ou abusos, podem te tornar mais propenso a se empanturrar como forma de controlar suas emoções.

Eventos sociais

Nem toda alimentação emocional aparece quando você está se sentindo para baixo. É fácil comer mesmo sem fome ou no momento de diversão ou em um evento social e ignorar os sinais de que não está mais com fome. Ou se sentir na obrigação de comer para acompanhar o grupo.

Álcool

A bebida reduz suas inibições, e isso inclui bom senso sobre quando e quanto comer. Também aumenta a probabilidade de você comer coisas menos saudáveis, como por exemplo: alimentos ricos em gorduras e açúcar. Estudos mostram que beber afeta a parte do cérebro que monitora o autocontrole, assim é muito mais difícil resistir a um prato saboroso.

Imagens de comida

Às vezes, basta o poder da sugestão para fazer você querer fazer um lanche. Estudos mostram que a publicidade com fotos de comida aumenta a probabilidade de você comer qualquer coisa na sua frente. Assim você come mesmo sem ter fome.

Por que você come sem ter fome

Quando você come sem estar com fome, provavelmente ganho de peso, mas também causa outros problemas de saúde, como diabetes. Este ciclo doentio não termina a menos que você se dê conta dessas dicas a abaixo e encontre outras formas de reagir a elas.

A verdadeira fome te atinge lentamente e pode ser fácil de adiar. Também é mais provável que você se sinta satisfeito com pouca comida. A alimentação emocional surge rapidamente e faz com que você tenha vontade de comer certos alimentos que engordam. Você também pode responder à disponibilidade de comida e comer porque a comida está lá. Isso aumenta a probabilidade de você comer mesmo sem estar com fome, e também se sentir culpado depois.

Encontre saídas saudáveis ​​para suas emoções, como exercícios ou meditação. Reúna-se com amigos que podem te ajudar em sua busca por uma alimentação mais saudável e consciente. E também evite comer lanhes e salgadinhos na rua. Isso além de ser mais saudável evita os sentimentos de culpa.

Fontes:

Food & Nutrition: “Binge Eating Disorder: An Introduction to Most Common Eating Disorder,” “The Vicious Cycle: Sleep, Stress and Diet.”

Harvard Health Publishing: “Eating Frequency and Weight Loss,” “Por que o estresse faz as pessoas comerem demais.”

Harvard School of Public Health: “3 maneiras pelas quais a diminuição do sono contribui para comer demais.”

Clínica Mayo: “Perda de peso: ganhe controle sobre a alimentação emocional.”

Health Psychology Research : “The Role of Anxiety in Binge Eating Behavior: A Critical Examination of Theory and Emppirical Literature.”

Saúde Infantil: “Alimentação Emocional”.

Psicologia da saúde : “O efeito agudo do álcool na ingestão de alimentos é mediado por deficiências de controle inibitório”, “Efeitos primários da publicidade de comida na televisão sobre o comportamento alimentar.”

National Institutes of Health: “Diet Quality Worsens as Alcohol Intake Aumentes.”

Comente:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.