Polícia do DF prende jovem que vendia anabolizantes pela internet

Compartilhe nas redes sociais!

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu nesta quarta-feira (11) em Samambaia um jovem suspeito de vender anabolizantes e suplementes alimentares proibidos pela internet. A Polícia Civil ainda investiga a origem dos produtos.

Paulo Henrique de Jesus, de 22 anos, tinha na casa dele 106 frascos, caixas e tabletes de anabolizantes e suplementos alimentares. Os produtos tinham quantidade do hormônio masculino testosterona em quantidade superior ao tolerado pelo organismo.
Segundo a polícia, Jesus permaneceu calado durante depoimento. Ele pagou fiança de R$ 700 e vai aguardar pelo julgamento em liberdade. O jovem foi indiciado pela venda irregular e manutenção de depósito de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais. A pena prevista é de um a três anos de prisão.

Danos ao organismo
A professora da Faculdade Educação de Física da Universidade de Brasília (UnB) Keila Fontana afirma que os danos ao organismo causado pelo consumo dessas substâncias vão desde impotência a problemas cardíacos.
“As mulheres podem sofrer também variações do ciclo menstrual, risco de infertilidade,  além de variações na voz, que com o tempo vai ficando mais grave”, afirma a professora da UNB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.