O que Comer Depois do Treino? – Refeição Pós Treino

o que comer após o treino

Compartilhe nas redes sociais!

O que comer depois do treino de musculação?

Neste artigo você aprenderá o que comer depois do treino de musculação para ganhar massa muscular!

As pessoas parecem ignorar a refeição pós treino quando se trata de  treino de musculação. Diariamente, a maioria das pessoas estão na academia  desperdiçando seu tempo, se preocupando mais com os programas de treinamento de hipertrofia, mas sem saber da importância da refeição pós treino.

Na maioria dos casos, o exercício não é o problema. O problema é que as pessoas não prestam atenção em o que comer depois do treino. Seja para ganho de massa muscular ou ou para emagrecer! Grande parte das pessoas dedicam suas preocupações apenas com os programa de exercícios, ignorando a importância da refeição pós treino e da alimentação de forma geral.

Neste artigo, explicará o aspecto mais importante da nutrição durante o exercício – O que comer depois do treino. Pois saber o que comer depois do treino, irá maximizar seus ganhos na academia.

O período pós-treino

o que comer antes do treino
o que comer antes do treino

Certamente o exercício, tanto de força quanto o treinamento de resistência, são responsáveis por inúmeros benefícios não só estéticos mas também para a saúde.

No entanto, o exercício físico em si, já é um estresse fisiológico. Os sintomas deste “estresse” são geralmente leves e incluem dor muscular, aumento do sono e do apetite. Esses sintomas nos permitem saber que o exercício esgotou os recursos de combustível do músculo, causou alguns pequenos danos e que o músculo está precisando de reabastecimento e reparo. As alterações permitem que o músculo se adapte, melhorando as exigências de exercício que estão sendo colocadas nele. Se você estiver fazendo exercícios de resistência, o músculo se esgotará e ficará danificado a curto prazo, mas a longo prazo compensará, tornando-se uma “máquina” aeróbica melhor.

Se o o seu treinamento é de força, você vai quebrar as fibras musculares mais fracas para construir fibras maiores e mais fortes. Em todos os casos, o exercício essencialmente “destrói” o músculo velho, menos adaptado, a fim de reconstruir o músculo mais forte. Esse fenômeno é chamado de remodelação.

Em particular, durante o exercício e imediatamente após, o treino decompõe as reservas de carboidratos musculares e as estruturas de proteínas musculares. Então, o sistema imunológico entra em cena para retificá-lo.

Agora, sem a proteína adequada e os carboidratos, este ganho muscular não ocorre. Você vai ficar com músculos que nunca atingirão o seu potencial máximo. Então, para aproveitar todo o treino ao máximo, você precisa dar ao corpo as matérias primas de que necessita, ou seja, proteínas e carboidratos.

O que comer depois do treino?

O que Comer Depois do Treino? - Refeição Pós Treino
O que Comer Depois do Treino? – Refeição Pós Treino

Todos os atletas, independentemente de amador ou profissional, devem levar a a refeição pós treino a sério, a fim de fornecer ao músculo a matéria-prima de que necessita.

Carboidratos e proteínas

Todos os tipos de exercício usam carboidratos para geração de energia, assim, o esgotamento dos carboidratos musculares é inevitável. Portanto, uma refeição pós treino rica em carboidratos é necessária para reabastecer os estoques de carboidratos  e energia muscular.

Você precisa consumir carboidratos suficientes para promover uma liberação substancial de insulina. A insulina é o hormônio responsável por empurrar carboidratos e aminoácidos para dentro do músculo. A re-síntese dos carboidratos é acelerada e o balanço proteico se torna positivo, levando a um rápido reparo do tecido muscular.

Ao consumir uma grande quantidade de carboidratos, você promoverá uma grande liberação de insulina, aumentará o armazenamento de glicogênio e aumentará o reparo de proteínas.

Os carboidratos maximizam a síntese de glicogênio e aceleram o reparo das proteínas. A proteína muscular é degradada durante o exercício, a adição de uma quantidade relativamente grande de proteína na refeição pós treino é necessária para ajudar a reconstruir os aspectos estruturais do músculo.

Após o exercício, o corpo diminui sua taxa de síntese proteica e aumenta sua taxa de degradação de proteínas. Assim, foi comprovado cientificamente que fornecer proteínas de qualidade e aminoácidos, inverte a degradação da proteína do músculo. Além disso, aumenta a síntese de proteínas.

Gorduras

Enquanto sua alimentação pós-treino deve ser rica em proteínas e carboidratos, esta refeição deve ser livre de gordura.

O consumo de gorduras essenciais é uma das áreas mais negligenciadas da ingestão nutricional diária. Durante o período pós-treino, a ingestão de gordura pode diminuir a eficácia da refeição pós-treino. Pois como a gordura diminui o trânsito pelo estômago, a ingestão de gordura durante o período pós-treino pode retardar a digestão e a absorção de carboidratos e proteínas.

Quanto tempo depois do treino devo fazer a alimentação pós treino?

Quanto tempo depois do treino devo fazer a alimentação pós treino?
Quanto tempo depois do treino devo fazer a alimentação pós treino?

É absolutamente crucial que você consuma sua refeição pós-treino imediatamente após o exercício. Pois os músculos estão esgotados e exigem uma abundância de proteínas e carboidratos. Além disso, durante esse tempo, os músculos são bioquimicamente “preparados” para a absorção dos nutrientes.

Esse fenômeno é conhecido como “janela anabólica”. Ao longo do período de recuperação, essa janela se fecha gradualmente . Assim ao deixar de comer imediatamente após o exercício, você diminui suas chances de promover a recuperação total.

Consumir uma refeição 1 hora depois é melhor que consumir 3 horas depois. Se você esperar muito tempo, o reabastecimento de glicogênio e o reparo de proteínas serão comprometidos.

Suplementação pós treino

Como Tomar Whey Protein Água ou Leite
Como Tomar Whey Protein Água ou Leite

Existem alguns casos em que os suplementos podem realmente ser superiores aos alimentos integrais.

No caso da nutrição pós-treino, a nutrição com suplemento líquido é muito superior à comida integral pelas seguintes razões:

# Tipicamente, após o exercício intenso, a maioria das pessoas reclama que é difícil fazer uma grande refeição. Isso é compreensível, pois o estresse do exercício cria uma situação em que os centros de fome estão todos fechados. No entanto, é essencial que você coma se quiser ou remodelar ou aumentar o músculo ou recuperar-se do exercício.

#Suplementos como por exemplo whey protein, são saborosas, fáceis de consumir e são bastante nutritivas. Assim fornecem toda a nutrição que você precisa neste momento. Além disso, uma vez que estas fórmulas são estruturalmente simples, o trato gastrointestinal não tem dificuldade em processá-las.

#Suplementos contendo proteínas de digestão rápida (whey hidrolisados ​​e isolados ) e carboidratos (dextrose e maltodextrina) são absorvidas mais rapidamente do que as refeições integrais.

Uma fórmula pós-treino líquida pode ser totalmente absorvida dentro de 30 a 60 minutos, proporcionando nutrição muscular. No entanto, uma refeição com alimentos sólidos de digestão mais lenta pode levar de 2 a 3 horas para atingir completamente o músculo. Quanto mais rápido a proteína e os carboidratos chegarem ao músculo, melhores serão suas chances de construir e recuperar músculos.

Você vai aprender como você deve fazer a divisão dos treinos e treinar para realmente transformar o seu corpo em casa sessão.
Nesse programa eu ensino o passo a passo de como executar os principais movimentos da musculação para cada grupo muscular.
Você saberá exatamente como dividir o seu treino do jeito certo, pra nenhum músculo ficar sem o descanso necessário pra crescer, independentemente de quantos dias da semana você tem pra treinar.
Se você treina 2x por semana, 3x por semana, 4, não importa, você vai saber como fazer a melhor divisão possível pra cada uma dessas situações.

Conclusão:

Durante o período pós-treino, os nutrientes específicos maximizam sua recuperação. Estes incluem uma abundância de água, carboidratos de alto índice glicêmico e certos aminoácidos (em proporções específicas).

Também é melhor evitar a gordura durante esse período. A única maneira de garantir que esses nutrientes estejam presentes nas quantidades certas é formular uma mistura líquida específica.

LEIA TAMBÉM:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.