Dicas de Treino de Peito

Compartilhe nas redes sociais!

Série de treino de peito

O ideal é começar sua semana com uma série de treino de peito. Isso porque seus músculos estão descansados do final de semana, e além de ter mais força, terá maior estimulo para o crescimento muscular do peitoral.

Além disso, ao iniciar sua semana com uma série de treino de peito, você não só economizará tempo como também fará seu treino com mais intensidade.

Super série de treino de peito

As super séries ou supersets existem há muito tempo. Eles têm vários benefícios, mas há um problema complexo nelas, ou seja, normalmente não são executadas corretamente.

Primeiro lugar, as supersets tem um grande benefício metabólico. Então quando você fizer uma super série você terá um maior gasto energético total. Outro benefício é na produção de energia, você pode aumentar em 4,7%.

Cada conjunto da série é composto de dois movimentos: um movimento de empurrar e outro de puxar. Você também notará que, na maioria das vezes, os movimentos são alternados na série. Isso é para manter os músculos confusos e em choque.

Ponto de falha

Quando você começa a treinar, você está no máximo da sua força, assim, executar os movimentos é mais fácil. Mas ao final dá série, quando já estiver cansado,é o momento que precisa manter sua intensidade e foco. Pois é no ponto de falha do músculo, que a fibra se quebra, causando hipertrofia. Dessa forma, procure sempre chegar no máximo da carga até o ponto de falha (quando a força se extingue).

Tempo de descanso

Você não terá quase nenhum descanso entre os exercícios. E apenas um minuto de descanso entre as séries.

Aquecimento e alongamento

Em primeiro lugar, é importante se aquecer, você também precisará se alongar corretamente. Pois, quando você está fazendo o treino de peito, lembre-se que você também precisará incluir o treino de tríceps e ombros na série.

Além disso, o aquecimento também ajuda no ganho muscular, e da mesma forma, evita lesões. Então, você aquecer de forma que todos os seus músculos estejam prontos, especialmente aqueles que deseja focar no treino.

Dicas de aquecimento

Existem várias formas de fazer o aquecimento pre treino, como por exemplo: fazer alguns minutos de esteira, pedalar ou transport ou ainda fazer várias repetições com carga reduzida. Mas todas essas atividades vão certamente drenar sua energia. Assim a melhor forma de aquecer, é com a técnica do Mestre Fernando Sardinha. Para saber mais clique aqui.

1 Série de treino de peito

Grande maioria dos homens tem dificuldade em ganhar massa muscular no peitoral superior. Salvo os abençoados, ou aqueles que praticaram natação desde criança. Assim, no nosso treino de peito, o primeiro exercício não é o supino reto e sim o crucifixo no banco 30º.

Treino de peito

Esse exercício vai trabalhar os músculos do peitoral superior externos, bem como os claviculares. Isso vai aumentar o volume muscular no alto do peito dando uma forma de peitorais gigantes. Faça 4 séries de 10 a 12 repetições.

Dicas: Não eleve o ombro para acima da sua cabeça, bem como mantenha os cotovelos flexionados. Não bata os halteres no topo, mantenha uma distancia de um palmo entre eles.

2 Série de treino de peito

Agora sim, vamos trabalhar os músculos do meio do peito, bem como o deltoide anterior e um pouco de tríceps. Lembrando que nem toda série de peito começa com o supino reto básico. Então, vamos ao crucifixo no banco reto. Faça 4 séries de 10 a 12 repetições.

Treino de peito

Dicas: Não leve os cotovelos abaixo dos ombros. Não bata os halteres e da mesma forma, não rotacione os punhos no alto.

3 Série de treino de peito

Agora um exercício inovador, mas muito eficaz para trabalhar o peitoral superior e deltoide anterior, bem como um pouco de tríceps. Esse treino é tecnicamente chamado de flexão com extensão de cotovelos frontal com anilha em posição de flexão de ombros, ou vulgarmente Flexão Miolo do peitoral com anilhas..Faça 4 séries de 10 a 12 repetições ou até a falha.

Treino de peito

Esse exercício pode ser feito em conjunto com outros, como por exemplo o voador. Outra variação, é deitado no banco reto ou 30º.

4 Série de treino de peito

Agora, um clássico no treino de peito: Voador. Esse exercício vai trabalhar os músculos do peitoral superior, inferior e também o serrátil anterior. Faça 4 a 5 séries de 10 a 12 repetições, ou até a falha.

Treino de peito
Treino de peito – Voador

Dicas: Não bata com os puxadores no final. Mantenha os cotovelos em linha reta, ajuste o aparelho na altura dos seus ombros, bem como não coloque os puxadores mito atrás das costas. Pode causar lesões.

5 Série de treino de peito

Por fim, para fechar essa super série de treino de peito, vamos executar um exercício que trabalha o peito inferior, bem como o deltoide anterior.  Ele é ótimo para levantar o peitoral, principalmente para os que tem ginecomastia. Faça de 4 a 5 séries de 10 a 12 repetições, ou até a falha.

Treino de peito – Cross over

Dicas : Coloque-se a frente do cross, com as pernas semi abertas, incline-se um pouco para a frente. Leve os puxadores até o encontro das mãos. Da mesma forma, mantenha os cotovelos em angulo, ou seja, semi flexionados e não ultrapasse a altura dos ombros.

Como Aplicar os Princípios do Joe Weider para Evoluir o Seu Treino de Peito
Aprenda de forma prática e objetiva a biomecânica e os princípios de treino de peito do fisiculturista Joe Weider reconhecido como o homem que mudou a forma de entendimento do mundo Bodybuilder

Conclusão:

Há vários exemplos de treino de peito, esse artigo é apenas para ilustrar algumas ideias.

Inverta a sua escolha e vontade, qual treino fará, em primeiro lugar, em segundo lugar e assim por adiante.

Não se prenda a fazer sempre os mesmos exercícios, use a sua imaginação. Bons treinos.

LEIA TAMBÉM:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.