Pular para o conteúdo
Início » Compulsão Alimentar e Ansiedade Estragam seu Emagrecimento

Compulsão Alimentar e Ansiedade Estragam seu Emagrecimento

O que é compulsão alimentar?

Uma pessoa com compulsão alimentar come grandes quantidades de alimentos muito rapidamente, mesmo quando não está com fome, ao ponto de ficar desconfortável. Quase todo mundo come demais de vez em quando, mas também pode se tornar um distúrbio.

O transtorno da compulsão alimentar periódica (TCAP) é uma doença séria, mas tratável. São episódios recorrentes de consumo de grandes quantidades de alimentos.

Além de comer grandes quantidades de alimentos em excesso e ao ponto de desconforto, a condição também é caracterizada por sentir-se fora de controle ao comer e um sentimento de vergonha ou culpa pelo comportamento.

Os episódios são classificados como compulsão alimentar podem afetar significativa e negativamente sua saúde e bem-estar, tornando-se especialmente importante identificar os sinais e sintomas para ter ajuda, se necessário.

Leia também: É possível queimar 1000 calorias por dia?

Como saber se você tem compulsão alimentar

Como você sabe se o seu excesso é apenas ocasional ou um sério problema de compulsão?

Alguns especialistas em saúde podem considerar episódios isolados de compulsão como normais. Mas se um hábito começa a ter um impacto significativo em sua vida, deve ser motivo de preocupação.

Para serem diagnosticadas com TCAP, as pessoas também devem ter um sofrimento acentuado, não se envolver em comportamentos compensatórios, como purgação, e ter pelo menos um episódio de compulsão uma vez por semana durante três meses.

Leia também: Após aplicação de óleo mineral nos músculos, homem amputa bíceps

Complicações da Compulsão Alimentar

A compulsão pode contribuir para uma série de complicações de saúde, incluindo:

  • Ansiedade
  • Depressão
  • Diabetes
  • Doença cardíaca
  • Pressão alta
  • Acidente vascular encefálico

Muitas dessas condições de saúde estão ligadas à obesidade. Aproximadamente metade de todas as pessoas com transtorno de compulsão também estão acima do peso.

Para fazer um diagnóstico, seu médico fará perguntas sobre seus comportamentos alimentares recentes e passados. Pode variar em termos de gravidade. Algumas pessoas podem apresentar sintomas mais leves e comer compulsivamente uma vez por semana, enquanto outras podem ter sintomas mais graves e comer compulsivamente 14 ou mais vezes por semana.

Leia também: Estudo revela nova fórmula para emagrecer

Causas

As causas exatas da compulsão alimentar não são conhecidas. Alguns dos possíveis fatores de risco incluem:

  • Genética : Pesquisas sugerem que o transtorno da compulsão alimentar periódica pode ter um forte componente genético. 
  • História familiar : Você pode ser muito mais propenso a desenvolver um transtorno alimentar se alguém de sua família imediata também tiver um transtorno alimentar.
  • Psicológicas : A maioria das pessoas com transtorno de compulsão alimentar também tem outra condição de saúde mental, como depressão, ansiedade ou transtorno por uso de substâncias. 
  • Problemas de dieta e imagem corporal : Pesquisas sugerem que as pessoas que desenvolvem transtorno de compulsão alimentar tendem a ter uma imagem corporal negativa e têm um histórico de dieta e excessos.

Leia também: Para que serve Gaba? 

Tratamento

Se você acha que seus hábitos alimentares não são saudáveis ​​e/ou se sua alimentação está causando sofrimento acentuado, há boas notícias. Estão disponíveis tratamentos eficazes que podem ajudar as pessoas a gerenciar seus comportamentos alimentares e superar a compulsão alimentar. Esses tratamentos podem incluir psicoterapia, medicamentos ou uma combinação de ambos.

Psicoterapia

A terapia cognitivo-comportamental (TCC) e a terapia interpessoal (TIP) são comprovadamente tratamentos eficazes para o transtorno da compulsão alimentar periódica . A TCC se concentra na identificação e mudança de padrões de pensamento negativos que contribuem para comportamentos indesejados. 9

Peça conselhos ao seu médico ou procure ajuda profissional em sua comunidade. Ao encontrar um conselheiro qualificado, como um assistente social clínico licenciado ou psicólogo, você dará um passo importante para obter o controle da compulsão alimentar.

Leia também: Fitoterápicos reconhecidos pela ANVISA

Medicamentos

Existem alguns medicamentos que também podem ser uma parte valiosa do tratamento. Os medicamentos que podem ser prescritos incluem antidepressivos, ansiolíticos e medicamentos que ajudam a controlar o apetite e as compulsões.

Comente:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.